Dono de padaria tenta agredir cliente por usar notebook

Um homem de 32 anos foi ameaçado após um desentendimento com o proprietário de uma padaria em Barueri, na Grande São Paulo, na última quarta-feira (31/01).

O incidente ocorreu por volta das 12h30, quando o cliente estava com alguns colegas e foi repreendido pelo dono do estabelecimento por estar usando um notebook no local.

Um vídeo que circula nas redes sociais mostra o comerciante confrontando o cliente, afirmando que determina as regras dentro da padaria e exigindo que ele feche o notebook.

Após uma troca de palavras acaloradas, o proprietário ordenou que o cliente resolvesse a situação fora da padaria, chegando a segui-lo com um pedaço de madeira. Testemunhas intervieram e evitaram a agressão.

O caso foi registrado como ameaça na delegacia local, conforme a Secretaria da Segurança Pública de São Paulo (SSP).

O advogado especialista em direito do consumidor, Marco Antônio Araújo, esclarece que a proibição do uso de equipamentos eletrônicos deve ser previamente informada e visível ao consumidor, conforme o Código de Defesa do Consumidor.

Deixe um comentário